| Corporate

Inteligência em viscosimetria para as mais altas expectativas

Com o lançamento do ViscoQC 300, os profissionais de viscosimetria da Anton Paar lançaram um instrumento de ponta e igualmente compacto com capacidades modularmente expansíveis que possibilita medições de múltiplos pontos e atende às mais altas exigências da indústria farmacêutica.

"O xarope para tosse é um desafio em viscosidade", conta Patricia Gejer. "Depois de ingerido, ele precisa umidificar a superfície de forma sustentável, mas a força durante o processo não pode torná-lo sólido", conta a gerente de produtos para viscômetros rotacionais da Anton Paar. A medição de viscosidade é também o método preferido para controle de qualidade para sabonetes líquidos. Se você não pode ou não quiser usar um sensor de processo, é possível usar um dispositivo de bancada. E é aí que a Anton Paar está abalando o mercado este ano: na Primavera, o ViscoQC 100 foi lançado, e agora o ViscoQC 300 segue como o melhor modelo da série de viscômetros rotacionais. Como seu predecessor, o ViscoQC 300 tem um assistente digital para verificação automática de alinhamento de instrumento, acoplamento magnético de eixo, sistema Toolmaster para reconhecimento automático de eixos e a função de busca de velocidade automática (TruMode) como um auxílio de medição para amostras desconhecidas com diferentes viscosidades, além de vários outros recursos.

As novidades em relação ao modelo básico ViscoQC 100 são a tela sensível ao toque e clara de 7", o gerenciamento de usuário e grupo de usuários, a memória de dados integrada para métodos de medição e os resultados, além de dois pacotes de software. O "V-Comply" é voltado para usuários do setor farmacêutico O "V-Curve", por outro lado, possibilita o acompanhamento gráfico de dados de medição em tempo real, a programação de até 50 etapas de medição, análise usando modelos matemáticos e a determinação do limite de elasticidade, que é a força na qual o material começa a fluir", explica a especialista de produtos Patricia Gejer. A análise da curva de viscosidade dependente de tempo também pode ser feita com o ViscoQC 300, e é importante para amostras que se solidificam ao longo do tempo. A determinação das curvas de fluxo possibilita, por exemplo, caracterizar amostras que ficam mais finas, como explica a gerente de produtos. Os efeitos de pseudoplasticidade, como aqueles que ocorrem em sabonetes líquidos ou ketchup, não são um problema para o instrumento de medição.

Para análises precisas e repetíveis, 21 eixos e corpos de medição estão disponíveis: de agitadores de palhetas para materiais pastosos, como manteiga de amendoim, até béqueres descartáveis para medições com eixos DIN clássicos. Para uma operação mais conveniente, os usuários podem conectar mouse, teclado e até mesmo um leitor de código de barras. O dispositivo se comunica em onze idiomas.

De acordo com a gerente de produtos Patricia Gejer, o grupo-alvo para o viscômetro de ponta são os setores químico e petroquímico, fabricantes de alimentos e bebidas e a indústria farmacêutica. Para esta última, há o pacote farmacêutico especial, o "V-Comply", composto de recursos de software desbloqueáveis, uma assinatura eletrônica e trilhas de auditoria opcionais, as quais atendem a todos os requisitos da americana FDA. Para aqueles que buscam presentear entes queridos com um dispositivo de medição profissional para a verificação de qualidade de, por exemplo, mel, a opção indicada é o modelo R para viscosidades médias.

Visco-Twins: o ViscoQC 100 (esquerda) e seu irmão maior, ViscoQC 300.